Exibindo 37–47 de 47 resultados

Código de um cavaleiro

“Um guia para viver uma vida correta e nobre.”The New Yorker”Hawke escreve um conto medieval emocionante sobre ética. Uma leitura fácil e agradável, perfeita para todas as gerações.”Publishers WeeklyUm cavaleiro, temendo não retornar da batalha, escreve uma carta para os filhos na tentativa de deixar um registro do que aprendeu durante a vida. Em uma série de reflexões sobre solidão, humildade, perdão, honestidade, coragem, graça, orgulho e paciência, ele se baseia nos ensinamentos das antigas filosofias oriental e ocidental e nos grandes escritos espirituais e políticos da história humana. Seu objetivo não é simples: dar a seus filhos uma bússola para uma jornada que terão que fazer sozinhos, um pequeno guia sobre o que dá sentido e beleza à vida.

R$29,90

O que Jesus disse? O que Jesus não disse?

“Os leitores de Ehrman nunca mais lerão os Evangelhos e as cartas de Paulo da mesma maneira.” Publishers Weekly

“O que Jesus disse? O que Jesus não disse? é uma dádiva divina.” Philadelphia Inquirer

“Este livro oferece um olhar fascinante sobre a crítica textual e sobre as alterações sofridas pelas Escrituras.” The Charleston Post & Courier

“Independentemente da sua visão do texto bíblico, esta é uma leitura gratificante.” Dallas Morning News

“Um dos best-sellers mais surpreendentes do ano.” Washington Post

Ao ler o Novo Testamento, as pessoas pensam estar lendo uma cópia exata das palavras de Jesus ou dos escritos de seus apóstolos.Contudo, por quase mil e quinhentos anos, esses manuscritos foram reproduzidos por copistas profundamente influenciados pelas controvérsias políticas, teológicas e culturais de seu tempo. São vários os erros e as mudanças intencionais nos manuscritos subsistentes, dificultando a reconstituição das palavras originais.

O que Jesus disse? O que Jesus não disse? mostra a história que está por trás das alterações que eclesiásticos políticos e copistas ignaros fizeram no Novo Testamento, causando um impacto enorme na compreensão e interpretação da Bíblia que temos hoje. Um livro que vai fascinar e surpreender tanto leigos quanto teólogos e historiadores experientes.

R$32,90

O novo papel do pai

“Um livro fascinante sobre a ciência por trás da paternidade, repleto de dicas para aplicar esses conceitos no mundo real.”
– The New York Times”O novo papel do pai deve ser lido por todos que se preocupam com o bem-estar das crianças. Escrito com graça e clareza, o trabalho de Paul Raeburn coloca a sabedoria popular de pernas para o ar e iguala a importância das presenças paterna e materna, colocando ambos em um pedestal mais do que merecido.”
– Susan Cain, autora de O poder dos quietos”Este livro é uma súplica para não esquecermos que a figura paterna não importa só para o lado administrativo da criação de uma criança.”
– The New York Times Book Review”Um sólido exemplo de jornalismo científico, repleto de estudos que mostram o papel vital que figuras paternas têm na vida de uma criança, desde a concepção até a idade adulta.”
– Time”Uma coleção de histórias calorosas sobre a ciência por trás da paternidade. Altamente recomendável.”
– Psychology Today”Este livro revela as diversas maneiras como o pai é importante para os filhos e como os filhos são importantes para o pai.”
– Chicago TribunePor muito tempo, achava-se que o principal papel da figura paterna era prover autoridade e estabilidade econômica na vida das crianças. De algumas décadas para cá, porém, a mudança nos papéis sociais e a independência das mulheres fizeram com que novas pesquisas surgissem, apontando ligações inesperadas entre pais e filhos. Forçados a reconsiderar ideias preconcebidas sobre a família, perguntamos: qual é o novo papel do pai no desenvolvimento das crianças?Neste livro, o jornalista premiado e pai de cinco filhos Paul Raeburn esclarece mitos e estereótipos sobre a figura masculina e examina as últimas descobertas científicas nas áreas de neurociência, comportamento, genética e psicologia.

R$26,90

Um amor depois do outro

Foi-se o tempo em que príncipes em cavalos brancos e princesas presas em torres eram o ideal romântico a que aspiravam homens e mulheres. Hoje em dia todo mundo sabe que a inconstância dos afetos é uma realidade impossível de mudar. A diferença é que Ivan Martins, editor-executivo e colunista do site da revista Época, considera isso um motivo de celebração. Afinal, junto com esses ideais também vinham pressões da sociedade, intromissões da família, preconceitos dos vizinhos… Sem esse peso no coração, podemos finalmente nos libertar e perseguir sonhos e amores, sejam quais (e quem) forem. Ao fim desta coletânea com mais de cinquenta crônicas sobre paixão, filhos, decepção e recomeços, o leitor também se sentirá pronto para deixar o barco da vida correr e aguardar, cheio de alegria, seu próximo amor.Algumas pessoas conhecem o amor de suas vidas bem cedo, e a relação permanece, apesar dos altos e baixos, até o fim. Outras seguem pelo mundo com a insatisfação da adolescência no peito, descobrindo novos bem-quereres em cada porto, sem nunca baixar âncora. A maioria de nós, porém, vacila entre esses dois extremos, e se vê equilibrando família, trabalho, responsabilidades e paixão com a certeza de sempre querer mais.Quando se trata de amor é assim: a gente se apaixona e acha que é para sempre, mas a verdade é que aquele antigo ideal romântico já não funciona mais. A liberdade de amar quem se quer também traz o ônus de ter que aceitar que a qualquer momento tudo pode mudar. Mas isso, por incrível que pareça, é bom. Só com essa liberdade podemos verdadeiramente aceitar o outro e a nós mesmos como somos, de peito aberto.Ivan Martins tece com maestria, delicadeza e bom humor uma série de observações sobre o cotidiano de nossas paixões, sejam novos ou velhos amores, filhos ou amigos. O amor é um país sem preconceitos, e em suas histórias Ivan mostra que não basta amar: é preciso também libertar.

R$32,90

Segredo de justiça

Autora do livro que inspirou a série do FantásticoA tragédia e a comédia nossas de cada dia
Quando pessoas das mais diferentes idades, orientações, condições sociais ou históricos de vida se encontram em um tribunal para resolver um conflito, mal podem imaginar o que seu drama representa no imenso universo de situações com as quais os juízes das Varas de Família lidam diariamente. Desde discordâncias sobre temas corriqueiros até pesados litígios, os magistrados precisam ouvir com sensibilidade e decidir com equilíbrio sobre questões que podem alterar radicalmente o curso da vida das partes envolvidas.
Os relatos deste livro – que inspirou a série homônima exibida no Fantástico, da TV Globo -, cuidadosamente compilados nos vinte anos de experiência da juíza carioca Andréa Pachá, sintetizam a complexidade das relações humanas com maestria e emoção. São situações como a de um casal que decide se separar depois de dez anos vivendo em cidades diferentes; filhos que decidem ser a parte madura da separação dos pais; um marido que foge de casa por seis meses; uma mulher que prefere ficar sem pensão do que ouvir o apelido carinhoso do ex-marido mais uma vez; e muito mais.”Segredo de justiça, em estilo forte e amoroso, conversa com a sociedade sobre as perplexidades do ofício de Pachá. Conversar, no seu caso, é interpelar, mas também hospedar o outro.”
– Joel Rufino dos Santos, historiador, professor e coautor de História nova do Brasil”A sensibilidade de Andréa Pachá mostra que, de fato, a vida não é justa, mas que é possível fazer justiça quando não se tem medo de ousar diante da realidade da vida.”
Maria Berenice Dias, jurista e fundadora do Instituto Brasileiro de Direito de Família

R$29,90

Mensagem aos brothers

As reflexões e frases preciosas que Pedro Bial vem oferecendo ao público brasileiro ao longo das 14 edições do Big Brother Brasil nunca foram agrupadas – dezenas estavam praticamente perdidas, e muitas outras, dispersas. Ainda assim, parte do vasto conteúdo de primeira qualidade vem sendo utilizado em cerimônias de formatura, festas de 15 anos e até em eventos religiosos.O livro Mensagem aos brothers organiza os chamados “discursos do Bial”, apresentando-os em grupos temáticos. E vai além: revela quais foram as inspirações do autor e os pensadores que ele cita. Tudo isso de uma maneira simples e cativante. É um livro para todos, não apenas para quem acompanha o programa ou para os fãs de Pedro Bial. É para quem busca inspiração. Para quem quer pensar na vida e na família. Para quem procura conforto e alegria. Para quem quer fortalecer os laços de afeto e carinho. Como o próprio Bial gosta de lembrar, citando o filósofo e escritor francês Michel de Montaigne, “as palavras pertencem metade a quem fala, metade a quem ouve”.

R$14,90

Light com sabor

Quando a gente pensa em comida vem logo uma preocupação: se é gostosa, engorda. Se não engorda, não é saborosa…Sabe quando dá vontade de comer uma pizza, uma feijoada, um pedaço de cheesecake ou mesmo uma musse, mas sem sentir culpa? Sem passar dias brigando com a balança ou outros mais sem comer delícias, pois exagerou na comida? Pois é. Neste livro, reuni delícias da minha cozinha e reduzi não só as calorias, mas também a gordura, o açúcar, o sal e acrescentei muito sabor.Receitas fáceis, práticas e bonitas para serem feitas no dia a dia, que deixarão sua vida mais gostosa e farão você se reconciliar com a balança!

R$14,90

Massas e molhos

Que sensação uma bela macarronada ao sugo lhe desperta? E um delicioso pão recheado, com aquele aroma de recém-saído do forno? Ao depararmos com uma dessas delícias, temos certeza: é uma refeição que enche os olhos e satisfaz os desejos mais gulosos.Por mais simples que possa ser o preparo de uma bela pasta, existem alguns truques que deixam este prato ainda mais especial. Chegou a hora de colocar literalmente a mão na massa, enrolar o nhoque e combinar ingredientes para fazer aquele molho que é uma verdadeira tentação.Ana Maria Braga revirou seu cardápio e separou receitas suculentas que farão sua família sentar à mesa reunida para saborear aquele típico almoço italiano. Farto, alegre e muito saboroso.

R$14,90

Comidinhas do boteco da Ana

Bolinho de mandioca e de carne, croquete francês, churrasqueto ou coxinha Ville Roy. Qual desses petiscos vai fazer mais sucesso com sua família e amigos?Com as receitas deste livro, você poderá transformar sua casa num verdadeiro botequim recheado com os melhores tira-gostos que Ana Maria Braga já provou. Não tem mais pretexto para servir sempre a mesma coisa nas reuniões que tanto alegram a nossa vida.Prepare-se para surpreender a todos com um cardápio criativo e saboroso, e receba uma porção de elogios.

R$14,90

Culinária Italiana – Tratoria Clássica

A tratoria tradicional revela a essência da culinária italiana. A maioria desses restaurantes apresenta o que é servido pelas mamas italianas, utilizando ingredientes locais e de acordo com as estações do ano ― os pratos não são caros nem complicados, e nunca saem de moda. A partir do cardápio de uma típica tratoria, Maxine Clark adaptou pratos clássicos de toda a Itália para o dia a dia.

R$39,90

A vida não é justa

Autora do livro que inspirou a série do FantásticoA surpreendente vida comum
“São coisas da vida.” Essa frase simples, lugar-comum que se ouve desde a infância, resume com propriedade o curioso mosaico de situações com que Andréa Pachá lida há cerca de vinte anos como juíza de Vara de Família no Rio de Janeiro. Neste livro – cujos relatos deram origem à série Segredos de Justiça, exibida no Fantástico, da TV Globo -, a autora apresenta, com sensibilidade, compaixão e, na justa medida, um toque de comédia ou tragédia, histórias tão peculiares quanto as de uma senhorinha viciada em sexo virtual; de um casal que supera unido a dor da doença para depois se separar; de pais que vão ao tribunal decidir a escola do filho; de um garoto lutando sozinho por seu registro de nascimento; e muitas outras. “Sabia-se, pelo currículo e a opinião de seus pares, que Andréa era uma atuante magistrada. O que nem todos sabiam, e vocês vão comprovar lendo A vida não é justa, é que Andréa é também uma sensível cronista.”
– Zuenir Ventura, jornalista e escritor”É possível que algum leitor sinta densidade na leitura pela sucessão de rompimentos. Mas vale lembrar que todos esses fins tiveram inícios felizes. Paixões e amores, correspondidos ou não, são o que de melhor e pior pode acontecer na nossa vida.”
– Alcione Araújo, dramaturgo e escritor

R$29,90